Enxertos

Um dos enigmas mais persistentes em minha árvore familiar – e que foi tema de várias postagens aqui no blogue – parece se aproximar de uma solução. Graças à publicação dos resultados da pesquisa documental, aos testes genéticos e ao contato frequente com parentes do ramo específico – o materno -, pressinto a chegada do Leia mais… »

Complementaridade

Um dos ramos de minha família materna apresenta um enigma ainda não esclarecido: meu avô materno Enéas e todos os seus irmãos foram registrados como pardos em seus assentos paroquiais e certidões, porém João Pereira Belém, seu pai, carrega um sobrenome composto que é também encontrado em uma família de fazendeiros de café e proprietários Leia mais… »

Perfilhados

Inventários post-mortem são fontes preciosas de informação sobre a história familiar e para a genealogia que, infelizmente, não estão ao alcance dos pesquisadores da mesma forma que estão os assentos paroquiais e as certidões de nascimento, casamento e óbito. O acesso aos inventários exige o contato com os arquivos judiciários locais para pesquisa dos documentos Leia mais… »

Encontros

A descoberta de novos ramos familiares e primos distantes e o desbravamento de ramos que pareciam mortos são alguns dos resultados esperados da pesquisa documental e, por vezes com alguma dificuldade, dos testes genéticos. Mas existem formas adicionais de chegar a esses encontros: a participação em grupos dedicados à genealogia que se relacionam às regiões Leia mais… »

Forra

Embora o tráfico intercontinental de africanos escravizados para o Brasil já estivesse proibido em 1850, a atividade continuou a ser praticada ainda por mais de duas décadas por conta dos vultosos lucros que gerava para os traficantes e comerciantes brasileiros. Apenas a partir dos anos de 1880 o cenário começou a mudar por conta do Leia mais… »