Migalhas

Nos vários grupos de que participo no Facebook, costumo encontrar relatos queixosos de confrades que parecem ter estacionado nas pesquisas sobre um ou outro ramo de suas árvores – para não falar dos que acreditam haver estacionado em ambos os ramos. A situação parece desesperadora, mas tendo a acreditar que pode haver saídas, ainda que tudo o que se consiga encontrar sejam praticamente migalhas sobre as vidas de nossos antepassados.

Leia mais